terça-feira, 2 de setembro de 2008

Familia meu maior Projeto

“E as mulheres e todos os que estavam lá, tanto pequenos como grandes, levaram em cativeiro; eles não mataram ninguém, mas os levaram consigo, e seguiram seu caminho. Quando Davi e os seus homens chegaram à cidade, eles viram que ela estava queimada a fogo, e suas mulheres e filhos e filhas tinham sido levados em cativeiro. Então Davi e os homens que estavam com ele elevaram sua voz e choraram, até que eles já não tinham mais forças para chorar.” I Sm 30: 1- 4




Nesta introdução, quero enfantizar dois passos tomados por Davi e seus soldados, que resultou em momentos de angústia e dor:
1º. Focalizaram seu oponente e não se preocuparam em montar guardar em sua cidade;
2º. Em seu projeto, Davi esqueceu de estabelecer guarda para sua casa.




Nesta palavra, que iremos ministrar tratar de um fato ocorrido com Davi e seu exercito. Eles unidos em certo período com Aquis(cap. 29) deixam sua cidade Ziclague sem proteção e, em sua ausência, o exército de amelequitas a ataca e, levam consigo ás esposas de Davi, filhos e de todos os seus soldados.


Nesta parte desta palavra tiramos uma lição:
1º. Quando faço aliança, projetos, penso em deixar minha família em um bem-estar?
2º. Quando ausente, levanto uma cobertura de oração sobre minha família/casa continuamente?


Tomo atitudes necessárias para os manter seguros e amparados.
Os reinos das trevas não brincam e, estão a todos instantes tentando envergonha-los, frustrá-lo e, principalmente por fim a base familiar: atingindo seus conjugues- separação/divórcio. “Sede sóbrios e vigilantes, o diabo, vosso inimigo, anda ao redor com leão que ruge, procurando alguém para devorar.” I Pd 5:8


A palavra nos revela um segredo: “do mesmo modo vós, maridos, vivei a vida com elas com entendimento...” I Pd. 3:7, ou seja, deverás ás vezes devido seu trabalho/negócios você não poderá estar fisicamente junto a sua família, claro! Jesus disse: “eu estarei convosco todos os dias...; enviarei meu Espírito para estar convosco, para habitar em vós e, por isto não estarão mais sozinhos.” Mt 28:20


E nós, filhos de Deus, qual é a nossa função nisto em relação a nossa família? É simples! A nossa função é de sacerdotes, intercede ao Pai das Luzes: “Pai Eterno, eu estou longe de meu lar, Pai eu tenho que tomar esta decisão e descanso em Ti, pois sei que eu estarei ausente por um tempo, mas os Teus anjos já estão de serviço em minha casa, a fim de proteger e ministrar em favor de minha família.”


Davi e seus soldados contemplam uma tragédia: seus filhos, esposas não estavam na cidade. Choraram, se lamentaram. Vv. 3
Talvez seja este o retrato de muita gente hoje, quando fizeram seus negócios ou quem sabe preocupadas com apenas palavras que foram intencionadas, mas que pesaram ao tomar suas decisões, decisões estas que não foram prospera em relação à vida familiar.
Contudo, por causa disto, estão vivendo uma vida amargurada, angustiada e arrependida e pior, com sentimento de culpa.


E quem sabe, pessoas visualizando o sucesso/objetivos se esqueceram que o casamento é unidade e, por isto se esqueceram e deram passos equivocados, mas hoje estão percebendo que precisam mudar a fim de trazer novamente a unidade, a graça de Deus, o amor em vossas vidas. Então orem comigo: Pai em nome de Jesus Cristo, eu reconheço que errei, por minha atitude fiz com que minha família se distanciasse de mim, fiz com que me tornasse uma pessoa mesmo que junto de minha família, contudo meus sonhos, objetivos nos distanciavam. Mas hoje ao ouvir sua palavra conscientizou me que preciso mudar, então, creio que Cristo Jesus já foi revelado a mim e nEle encontrou esperança de glória, a certeza que não carrego mais nenhuma acusação, sentimento de culpa e, certamente firma os meus pés como um de corsa e andando como um vencedor.


Contudo, Davi e povo que estava com ele lamentaram-se e, naturalmente, o povo responsabiliza a Davi pelo ocorrido e falavam em apedrejá-lo. Vv.6
Talvez querido, pessoas que o acompanharam em suas decisões/projetos, quem sabe amigos, familiares pratearam contigo, porem eles também se levantaram contra ti e, isto o tornou mais frustrante.


Mas, uma das lições que chama minha atenção é: Davi chorou até ficar sem forças, o povo o responsabiliza e tenta contra sua vida, porem Ele reage! Diz no vv.6 – Davi se reanimou no Senhor seu Deus, em outra versão: Davi tinha forte fé no Senhor seu Deus. E têm mais: “contudo, ainda que a figueira não venha florescer, e a vide não venha a dar seu fruto, faltando seu produto da oliveira e os campos nenhum mantimento venham a produzir, sendo as ovelhas arrebatadas do aprisco de forma que não existe gado nos currais, Eu porem irei me alegrar no Senhor, exultando no Deus que é minha salvação. O Senhor Deus é minha força, fazendo com que meus pés caminhem como um vencedor sobre meus lugares altos.” Hb.3:17-19
Em Deus, Davi encontrou motivação e, foi ao resgate de sua família. “mas quando sobre vem um mais valente do que ele, e o vence, tira-lhe a armadura em que confiou e divide seus despojos.” Lc 11.22


Davi não agiu emocionalmente, pediu a direção de Deus vv.8 e, obteve êxito. “nada lhes faltou, nem pequena nem grande, nem filhos nem filhas, nem qualquer coisa de tudo quanto os amelequitas tinha tomado; Davi retornou tudo.” Vv. 18-19
Creia que desta mesma forma o Senhor Deus vai agir em sua vida, se levante, não fique mais prostrado, lamentando-se, questionado, receba de Deus o espírito de fortaleza e força, seja habilitado por Deus, que O Espírito Santo libera palavra de conhecimento, estratégica para alcançar sua família.
Toda acusação dos reinos das trevas não vai mais lhe alcançar, queridos todos os que aparente se perderam, creia que o Senhor, o Deus eterno os dará novamente, o convívio familiar vai ser restituído em glória em sua casa. Aleluia!
Receba estas palavras em o nome de Jesus Cristo.

Graça e paz lhe sejam multiplicadas...
Cláudio Pereira e Adriana Braz
E-mail:
Membros da Comunidade Evangélica de Mesquita

Nenhum comentário: